Pesquisar este blog

Meu twitter:

twitter.com/malvinaee

Seguidores

segunda-feira, 29 de agosto de 2011


Jaguarão

Rua ganha nome em homenagem a Aldyr Garcia Schlee

Compartilhe esta notícia
Foto: Divulgação

Obra foi vencedora da 2ª Bienal de Literatura Brasileira de 1984
    Por: Cíntia Piegas
    cintiap@diariopopular.com.br
    O trabalho de restauração do Mercado Público de Jaguarão reservou muitas surpresas para seu povo. Uma delas foi a descoberta de uma rua sem nome. Ela sempre esteve bem no centro da cidade de fronteira, mas ao fazer o mapeamento do local percebeu-se que não havia denominação. Situação mais que oportuna para homenagear um ilustre jaguarense, o escritor e jornalista Aldyr Garcia Schlee. No sábado, a partir das 15h, a via será batizada com uma placa com o nome de Uma terra só, livro de contos de Schlee. 

    Pouco adepto a emprestar seu nome para esse tipo de homenagem, Schlee não hesitou em aceitar que a rua central, lindeira ao Mercado Público até o cais do rio Jaguarão, ao lado da Ponte Internacional Mauá, receba o nome de sua obra, que foi vencedora da 2ª Bienal de Literatura Brasileira 1984. A sugestão foi do jornalista Luiz Carlos Vaz.

    Depois da solenidade, que contará com a presença do escritor e autoridades, acontece relançamento dos livros Uma terra só e Contos de verdades, pela editora ARdoTEmpo, com a presença, palavra e autógrafos de Aldyr Garcia Schlee, às 17h, na Secretaria de Cultura, praça central de Jaguarão.

    Nenhum comentário:

    Postar um comentário

    Ocorreu um erro neste gadget

    Arquivo do blog

    ALGUMAS CITAÇOES:

    As mulheres precisam ser amadas, não compreendidas.

    Com certeza, se casem. Se casar com uma boa mulher, será um homem feliz. Se casar com uma má, se convertirá em filósofo. (Socrates)

    Não sou um santo. A menos que para você um santo seja um pecador que simplesmente segue se esforçando. (Nelson Mandela)

    Nunca penso no futuro - ele já chegará. (Albert Einstein)

    Os melhores amigos ouvem o que você não diz.

    Nossos amigos são os irmãos que nunca tivemos.

    clicRBS

    Ocorreu um erro neste gadget